Universidade da Flórida é referência em Medicina Veterinária

Por

Assim como o Brasil, um dos mais importantes países do mundo na produção de proteínas de origem animal, e no petbusiness, os Estados Unidos têm ótimas faculdades de medicina veterinária dentre as quais a da Flórida é uma referência.

Jorge Pereira foi Adjunct assistant professor do College of Veterinary Medicine University of Florida (CVMUF) no período de 2002 a 2005. Atual diretor do Centro de Estudos, Pesquisa e Oftalmologia Veterinária (CEPOV Rio) e da Clínica Animal Teresópolis, fala, em entrevista exclusiva para a Animal Business, sobre o ensino de medicina veterinária nos Estados Unidos, com destaque para a Escola de Medicina Veterinária da Universidade da Flórida (CVMUF).

Instituição única deste Estado norte-americano, o CVMU é referência em qualidade. “Seu programa de residência abrange mais de 20 especialidades e é disputado por graduados de diversas partes do mundo, inclusive do Brasil. O programa da pós-graduação strictu sensu, por exemplo (níveis mestrado, doutorado e pósdoutorado) completa 530 diplomados mestres ou doutores.

Revista Animal Business – Faça um breve resumo sobre o ensino de medicina veterinária nas universidades norte-americanas.

Jorge Pereira – No período entre a última metade do século XIX e meados do século XX, 41 escolas de Medicina Veterinária nos EUA, a maioria delas privada, deixaram de existir. Hoje, nos EUA, existem apenas 28 escolas de Medicina Veterinária, a primeira delas fundada em 1879. Destas, 18 foram estabelecidas até 1959. Entre 1973 e 1998, mais dez escolas foram abertas. Estudiosos da história da Medicina veterinária afirmaram que, na década de 1970, o escritor James Herriot (James Alfred Wight) despertou um interesse tão fenomenal pela medicina veterinária com seus livros sobre animais e seu envolvimento com os seres humanos, que os governos estaduais foram forçados a construir faculdades, para que a população tivesse acesso a uma educação nesta área. Hoje  permanecem 28 escolas nos EUA e apenas 5 no Canadá.

AB – Quando foi fundada a Faculdade de Veterinária da Universidade da Flórida?

JP – A escola de Medicina Veterinária da Universidade da Flórida (CVMUF) – a única deste Estado norte-americano – foi fundada em 1975, com destinação de uma parte da área de 2000 acres da Universidade para o Hospital Veterinário e o ensino de Medicina Veterinária (VTH), a oeste do campus, na UF Archer Road, no total
de 120 acres, e que veio a se transformar no Centro de Ciências da Saúde. Conta, atualmente, com cerca de 550 estudantes, distribuídos nos diversos períodos letivos e contabiliza 2762 alunos, entre atuais ex-alunos. Em seu programa de residência, que contempla mais de 20 especialidades, encontram-se graduados de diversas partes do mundo, inclusive do Brasil. O programa da pós-graduação strictu sensu – níveis mestrado, doutorado e pós-doutorado – totaliza 530 diplomados mestres ou doutores.

AB – Qual a filosofia básica da Instituição?

JP – A missão da escola de Medicina Veterinária da Universidade da Flórida tem sido, desde a sua fundação, principalmente educar estudantes para atender às necessidades da Flórida e de outras localidades além do Estado; proporcionar experiências educativas clínicas com todas as principais espécies animais para os estudantes, estagiários e residentes de serviços, incluindo veterinários e donos de animais, através dos hospitais veterinários da UF e dos programas de extensão; desenvolver novos conhecimentos por meio de pesquisas de ciência básica, pesquisa clínica e programas educacionais; disseminar conhecimento para os veterinários e outros grupos que necessitam dos serviços do colégio; preparar a próxima geração de educadores e pesquisadores por meio dos programas de pós-graduação nível mestrado e doutorado, estágios e residência; e trabalhar em sinergia com o Instituto de Alimentos e Ciências Agrárias e do Centro Acadêmico de Saúde da UF, para o avanço do conhecimento biomédico e agrícola, importante para a medicina veterinária.

Câmara Bariátrica

AB – Como foi a evolução do CVMUF?

JP – Em 1976, uma primeira turma, com 40 alunos, foi admitida na faculdade de Medicina Veterinária da  Universidade da Flórida. Em 1977, o CVMUF montou o primeiro serviço diferencial do Estado, dedicado  exclusivamente à medicina de animais silvestres.

Foi no ano de 1980 que a escola recebeu a acreditação plena, concedida pela Associação de Medicina Veterinária do Estado da Flórida, por ocasião da formatura de sua primeira turma. Seguindo o propósito de se tornar uma das mais conceituadas e competitivas escolas de Medicina Veterinária dos Estados Unidos, após a nomeação, em 1981, do Dr. Kirk Gelatt como decano da Faculdade, no ano seguinte foi criada por especialistas em Medicina de Equinos da entidade a primeira unidade de cuidados intensivos (“Intensive Care Unit – ICU” ou UTI no Brasil), exclusivamente para potros neonatos. No ano seguinte, com esforços dos Drs. Maarten Drost e Wyland Cripe, pioneiros em transferência de embriões, a instituição reproduziu o primeiro búfalo através desta técnica. Esta tecnologia, desenvolvida pelo Hospital Escola de Medicina Veterinária da Universidade da Flórida, também permitiu que fossem produzidos cordeiros gêmeos idênticos, cada um com uma resistência natural a um parasito que prejudica a ovinocultura no Estado. Em 1986, o Hospital Escola criou o primeiro programa oficial para Câncer em animais no Estado, tendo como seu primeiro diretor o Dr. James Thompson. Um novo prédio acadêmio para a Escola de Medicina Veterinária, contendo laboratórios de pesquisa, salas de aula e espaço de apoio administrativo, foi construído nesse mesmo ano, com investimentos de U$ 24.000.000. Inaugurado, foi considerado a pedra angular fundamental para a expansão da faculdade nessa década.

AB – Qual a origem dos investimentos para a sua constituição e construção?

JP – Os recursos iniciais foram de origem estadual. No entanto, a faculdade recebeu vários aportes financeiros, públicos e privados, ao longo dos anos. Em 1987, a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional, por exemplo, concedeu uma verba de U$ 5 milhões, uma das maiores bolsas para veterinários, para expandir as pesquisas em biotecnologia orientada para o desenvolvimento de vacinas e testes, diagnósticos mais avançados para as duas principais doenças do gado: Anaplasmose e Babesiose. Até mesmo a Walt Disney World Company concedeu à UF, em 1993, uma verba de U$ 750 mil, a título de investimentos em pesquisa sobre uma doença respiratória potencialmente devastadora, que acomete as “tartarugas de Gopher” no Estado da Flórida. Vale destacar que, em 2002, a faculdade recebeu doação de US$ 1 milhão doação, dos criadores de gado Bob F. e Evelyn B. Deriso, em reconhecimento às contribuições do Dr. Paul Nicoletti para o controle da brucelose bovina.

AB – Como ocorreu a evolução do CVMUF na área de equinos?

JP – Em 1990, dois novos grandes hospitais de animais foram construídos, sendo um deles para acomodar a medicina de equinos, em exponencial crescimento no Estado. Para se ter uma ideia do volume de investimentos, apenas na primeira fase das instalações da expansão, foram alocados U$ 36 milhões para atender a um conjunto de requisitos de acreditação exigidos pela Associação Americana de Medicina Veterinária (AVMA). O Hospital Universitário Equino, que recebeu o nome de P. Alec e Louise H., teve suas obras finalizadas e em 1994 abriu suas portas oferecendo amplas instalações de assistência pública voltada para equinos. Também inaugurou um setor de treinamento de equinos na região de Ocala, cidade próxima a Gainesville e considerada a “Capital do Cavalo de Corrida” nos EUA. Em 1995, a divisão de apostas em corridas de cavalo Pari – Mutuel, do Estado da Flórida, financiou o novo estudo de uma droga para equinos, com investimentos de US$ 530.000, com o objetivo de atualizar as normas que poderiam ser usadas para beneficiar a indústria de corridas de cavalos.

Nesse mesmo ano, o Dr. Wayne Raiser foi agraciado por suas grandes colaborações à Universidade da Flórida, no campo da Patologia Animal, e o prêmio serviu para ajudar a fundação do Laboratório de Patologia ósseas e articulares Wayne H. Riser. Uma doação de US$ 1 milhão do espólio de Philip B. e Georgia B. Hofmann, entusiastas de corrida puro-sangue, em 2000, permitiu que a faculdade atendesse às metas de campanha UF. A UTI neonatal de equinos foi, então, renomeada em homenagem aos Hofmanns.

Cavalo em preparo para Tomografia

AB – Fale sobre as atividades direcionadas para animais selvagens.

JP – Em 1994, foi firmado um acordo exclusivo com o “White Oak Plantation” para permitir que os residentes do serviço de medicina de vida selvagem e zoológica da faculdade pudessem estagiar no terceiro ano de faculdade, acompanhando os Médicos Veterinários em tempo integral. Em 2003, os clínicos de medicina de animais dessas espécies, juntamente com os patologistas da faculdade, realizaram o primeiro diagnóstico de vírus do Nilo Ocidental em jacarés. O grupo de animais selvagens, liderados pelo Dr. Elliott Jacobson, criou um banco de dados de sangue tartarugas marinhas, para ajudar grupos de reabilitação a melhor avaliar a saúde destes animais.

AB – Quais as ações e programas voltados para o segmento pet?

JP – Em 1995, o CVMUF criou o “Programa de Memorial Pet”, que, desde então, vem permitindo aos proprietários a oportunidade de fazerem doações para a faculdade em homenagem a um animal de estimação de sua propriedade, que, eventualmente, tenha falecido no hospital. O programa reflete um modelo de negócio a nível nacional único e parceria com os profissionais da comunidade na área de Ocala. Um novo Hospital de Pequenos Animais, com investimentos de U$ 58 milhões, em uma área de 9 mil metros quadrados, foi inaugurado em 2010, triplicando o espaço existente, oferecendo tecnologias modernas, incluindo um acelerador linear com “cone-beam CT” exclusivo na Flórida e nos EUA, além de um laboratório de cateterismo. Um Centro de Acupuntura e de Reabilitação dedicado a pequenos animais foi inaugurado em 2012 no VTHUF. Entre as novidades estão uma piscina e equipamento adicional de esteira subaquática para hidroterapia. Um modelo de parceria única e pioneiro com profissionais da comunidade de Ocala foi inaugurado nesse mesmo ano, com a abertura do novo Serviço de emergência a Pet, da UF, superando os objetivos de número de casos em seu primeiro ano. Ainda em 2012, U$ 14,7 milhões, em doações de caridade, é atingido, um recorde faculdade.

Pôr do Sol na Faculdade

AB – Cite algumas iniciativas pioneiras da CVMUF.

JP – O primeiro transplante de rins em animais do Estado da Flórida foi realizado em 1997, em um gato, sob a liderança do Dr. Gary Ellison. Vários programas sociais envolvendo, por exemplo, a doação de bolsas de estudo para estudantes menos favorecidos, a esterilização de gatos selvagens na comunidade, o investimento na área específica de medicina holística, entre outros, ocorreram até o ano 2000. Neste período, entre muitas realizações, o VTH desencobriu um tratamento avançado para a infertilidade equina através da utilização da ocitocina natural, sob a liderança da Dra. Michelle Leblanc, com importante impacto financeiro na criação de equinos. Em um grande avanço científico, Dr. Janet Yamamoto desenvolveu uma vacina contra a aids felina e obteve a aprovação do governo federal para o uso comercial. Foi a segunda instituição de veterinária no país a realizar um  procedimento de transplante de rim em um paciente canino de propriedade privada, quando o Dr. Chris Adin realizou a operação bem-sucedida em um poodle. De volta às atividades veterinárias, ainda em 2004, Dr. Cynda Crawford declarou que o vírus da gripe equina saltou espécie para cães e, provavelmente teria causado um surto de doença respiratória que resultou em oito mortes de cães galgos em corridas na Flórida. O novo patógeno é agora conhecido como vírus da gripe canina. No ano de 2005, Dr. Dennis Brooks, professor de oftalmologia da UF, contabilizou o centésimo transplante de córnea na UF, o equivalente a mais da metade de todos os procedimentos dessa natureza ocorridos nos Estados Unidos. No mesmo ano, Dr. Janet Yamamoto relatou uma ligação inesperada entre os vírus que causam aids em felinos e em humanos. Os gatos vacinados com uma cepa experimental do vírus da aids humana parece ser pelo menos tão bem protegido contra a aids felina como aqueles imunizados com a vacina utilizada por veterinários. Em 2006, foi realizada a primeira cirurgia cardíaca aberta em um cão com o objetivo de retirar um corpo estranho do coração do mesmo.

AB – Conte sobre o programa voltado para mamíferos marinhos.

JP – O único programa de Saúde de Animais Aquáticos do Colégio foi reforçado com uma subvenção estatal de U$ 810.000, em 2000, compartilhada com o Laboratório de Whitney para Biosciência Marinha em St. Augustine. O financiamento permitiu que a UF estabelecesse um programa de formação única em mamíferos marinhos. Tal programa de saúde complementa os projetos em andamento, de aquicultura e da pesca.

AB – Fale sobre outras iniciativas do CVMUF.

JP – Em 2003, o CVMUF criou o primeiro programa de educação continuada, que oferece educação livre para praticantes em todo o estado, iniciando assim uma nova tradição na prática da Medicina Veterinária. Vale lembrar que a faculdade não age apenas no seu âmbito. Em 2004 o CVMUF enviou uma equipe para prestar assistência no rescaldo do furacão Charley. Isso levou a esforços mais organizados, em colaboração com órgãos estaduais e  federais, de resposta a desastres semelhantes nos anos seguintes. Em 2013, o professor emérito da UF, Dr. Paul Nicoletti, doou U$ 1 milhão para o Programa Oportunidades Escolares que visa beneficiar estudantes oriundos de baixa renda que aspiram às carreiras na medicina veterinária. Funcionários estaduais nomearam a Universidade da Flórida como uma das duas universidades mais proeminentes em pesquisa, uma designação que carrega U$ 15 milhões em financiamento anual provindos do Estado. Neste mesmo ano, o CVMUF se juntou a outras faculdades de Medicina Veterinária na campanha de pesquisas proeminentes e iniciou um planejamento estratégico em todas as áreas de faculdade, de acordo com a sua missão original.

Procedimento dental pela Dra. Amy Stone

AB – Quais os principais programas de pósgraduação do CVMUF?

JP – Como anteriormente citado, o CVMUF recebe alunos em nível de graduação e pósgraduação do Estado da Flórida, de outros Estados americanos e de outros países, além dos programas de mestrado, doutorado e pós-doutorado. Os valores para a graduação estão na faixa de U$ 28.000 ao ano, portanto, não diferem sobremaneira das melhores escolas particulares brasileiras. Os programas de pós-graduação compreendem principalmente: Fellowships: Cardiologia (Coordenador: Amara Estrada), Patologia Forense (Coordenador: Lisa Farina), e Oncologia (Coordenador: Kelvin Kow). Internato: Animais Aquáticos; Dermatologia (Coordenador: Dunbar Gram); Cirurgia de grandes animais, Oncologia (Coordenador: Kelvin Kow); Emergência de Pequenos Animais (Coordenador: Carsten Bandt); Medicina Interna de Pequenos Animais (Coordenador: Justin Shmalberg); Internato rotacional em Pequenos Animais (Coordenador: Gareth Buckley); Cirurgia de Pequenos Animais (Coordenador: Stanley Kim). Programas de residência: Anatomia Patológica; Anestesia e Tratamento da Dor; Saúde de Animais aquáticos; Cardiologia (Coordenador: Amara Estrada); Patologia Clínica (Coordenador: Jennifer Owen); Dermatologia (Coordenador: Dunbar Gram); e Diagnóstico por Imagem Radiologia (Coordenador: Matt Inverno); e Fazendas: Medicina Interna de Grandes animais; Cirurgia em Grandes animais; Neurology (Coordenador: Shelia Carerra-Justiz); Oncologia Coordenador: Kelvin Kow); Oftalmologia; Medicina de abrigos de animais; Medicina de Emergência em Pequenos Animais (Coordenador: Carsten Bandt); Medicina Interna de pequenos Animais( Coordenador: Kirsten Cooke); Cirurgia de Pequenos Animais (Coordenador: Dan Lewis); Técnico de Veterinário – enfermeiro; Medicina de animais de Zoológico (Coordenador: Jim Wellehan).

Mais informações sobre como aplicar em todos os níveis para a CVMUF podem ser obtidas através do link: http://education.vetmed.ufl.edu/admissions

2018-01-16T13:13:34+00:00