Monitoramento por satélite

Por

Dados divulgados recentemente pela Agência Espacial Americana (NASA), e que já haviam sido anunciados, de forma similar, pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), desmentem a teoria, por parte de alguns ambientalistas, de que a agricultura do Brasil é responsável pelo aumento dos desmatamentos em áreas de vegetação nativa.

A NASA e o Serviço Geológico dos EUA publicaram um estudo, baseado em monitoramento por satélite, sobre as áreas cultivadas do planeta. Em relação ao Brasil, a agência americana calculou a área de lavouras do país em 63.994.479 hectares, o que corresponde a 7,6%. A EMBRAPA, por sua vez, havia feito esse cálculo em 2016, também via satélite, e chegou a um resultado bem próximo: 65.913.738 hectares (7,8%).

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUARIA E ABASTECIMENTO.

2018-03-25T03:16:32+00:00