Produção de leite mineira é cinco vezes maior que a média nacional

Por

Produtores participantes do Programa Balde Cheio, em Minas Gerais, produziram, em 2016, cinco vezes mais leite do que a média nacional. Esse é o resultado de um levantamento feito pela Embrapa Pecuária Sudeste com pecuaristas do Estado. Segundo os dados levantados, a produção diária de leite de uma propriedade assistida pelo programa foi de 391 litros, enquanto a média nacional foi de 72 litros por dia. Presente em 11 estados no País, o programa existe há 18 anos e capacita técnicos de extensão rural em produção intensiva de leite, boas práticas de manejo e conhecimentos de gestão financeira a produtores de leite. “Melhorar a renda destes pecuaristas é um dos maiores objetivos do Balde Cheio”, comenta o chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia da Embrapa Pecuária Sudeste, André Novo. Ele acrescenta que, em 2016, os produtores aplicaram cerca de 30% da margem bruta de lucro em melhorias para aumento da produtividade.

2018-03-25T04:22:25+00:00