Produção de moluscos

Por

O cultivo de moluscos e a criação de aves estão entre as atividades econômicas de maior destaque em Santa Catarina. A produção nacional de ostras, mexilhões e vieiras é quase exclusividade do litoral catarinense.

De acordo com a Produção Pecuária Municipal (PPM), do IBGE, foram 20.828 toneladas em 2016, o que corresponde a 97,9% da malacocultura (cultivo de ostras, mexilhões e vieiras), explorada no país.  Já o rebanho de galináceos (dentre elesgalinhas, perus e perdizes.) é o terceiro maior do país, com 140 milhões de cabeças, atrás apenas de Paraná e de São Paulo.

Pela primeira vez incluída em um Censo Agropecuário, a pesquisa sobre produção de moluscos – ou malacocultura – exigiu do IBGE a definição de diretrizes específicas como, por exemplo, em que ponto da fazenda marinha a coleta de dados deveria ser feita. “Como a área de cultivo é no mar, ficou definido que os questionários devem ser respondidos no ponto de desembarque da produção”, conta o engenheiro agrônomo e analista censitário, Caio Andrade.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE)

2018-08-28T13:07:40+00:00