Pulga

Por

A pulga é um inseto, que como todos eles têm seis patas e que não voa. A pulga salta. Tem uma capacidade extraordinária de pular. Embora muito pequenina, ela pode alcançar um metro de altura. Ela é um parasito externo (ectoparasito) hematófago, ou seja, que se alimenta de sangue de mamíferos e de aves.

Mas a pulga não é um inseto único. Já foram identificadas pelos entomologistas quase duas mil espécies de pulgas.

A pulga necessita dos animais que parasita, como cães e gatos, para sobreviver, e além de causar grande incômodo, também pode provocar anemia e transmitir vermes, parasitos sanguíneos, causar alergia e infecções bacterianas. As pulgas, portanto, são muito prejudiciais para os animais e o homem e precisam ser permanentemente combatidas.

Elas causam um grande desconforto nos cães e nos gatos parasitados.

É importante saber que o combate começa pela casa e deve ser feito por empresa devidamente credenciada que informará quanto tempo os animais precisarão ficar afastados para que não sejam intoxicados. Simultaneamente, o animal deverá ser levado para um banho de imersão, com inseticida adequado e na dose certa, sob a supervisão de um médico veterinário que saberá o procedimento indicado para evitar o risco de intoxicação.

Voltando para a casa, que já foi “dedetizada”, e já está livre de pulgas, precisará ser estabelecido pelo veterinário um programa de prevenção com um dos vários produtos existentes no mercado e que são eficientes e seguros.

O que precisa ficar bem claro é que eliminar as pulgas do animal antes de eliminá-las da residência não funciona.

2018-04-27T17:23:51+00:00