Seu cão é medroso?

Por

Seu cão é medroso?

Como ensina a adestradora Maice Costa Carvalho, são as seguintes as características de um filhote medroso:

(1) Apresentam um medo exagerado diante de situações novas para eles;

(2) Qualquer atitude um pouco mais rude que você tome em relação a ele provoca uma reação imediata de submissão, como se agachar, urinar ou virar de barriga para cima;

(3) Se você fizer um movimento repentino com a mão na direção dele, o animal se abaixa com medo de apanhar;

(4) Quando o filhote arrepia os pelos na parte de trás da nuca ao passar por outro cão, isso denota medo;

(5) Eles se assustam facilmente com barulhos comuns como uma porta batendo, uma motocicleta que passe na rua, etc…

(6) Cães medrosos não encaram o dono;

(7) Eles reagem agressivamente quando se encontram com pessoas diferentes das que estão acostumadas a conviver. Essas diferenças podem ser de tamanho, da cor da pele, de idade, etc…

Em resumo, o cão medroso tem dificuldade em lidar com qualquer situação que seja nova para ele.

Quase sempre os cães não nascem medrosos. O medo decorre de maus tratos do dono ao lidar com o filhote. Um dos erros mais comuns é tentar educar o animal batendo ou gritando. Isso não funciona porque os cães não são capazes de associar o castigo com o mau comportamento. Eles reagem bem à educação feita com repetições e compensações com petiscos e carinho. Este deve ser feito com afago e vocalizações do tipo “muito bom”; “bom menino” e semelhantes. Castigar batendo, cientificamente, não funciona e pode traumatizar um cão para toda a vida.

2018-04-25T13:17:53+00:00