A erva que dá “barato” no gato

Por

Conhecida em inglês como catnip, a erva-do-gato tem como princípio ativo um composto orgânico que foi isolado pela primeira vez em 1941.

Trata-se de uma erva da família das hortelãs originária da Europa e da Ásia, mas muito difundida nos Estados Unidos.

Seu odor atrai os felinos em geral – inclusive as onças e os leões – e não apenas os gatos.

O efeito produzido sobre esses animais é decorrente do cheiro e não da ingestão. A ação sobre os gatos pode durar uma ou mais horas. Mas o cheiro dessa erva não produz dependência nem tem efeitos colaterais.

A planta contém uma substância química chamada nepetalactone, que é um feromônio que atrai, agita, mas que também pode relaxar a maioria dos felinos.

As ervas-do-gato são plantas do tipo herbáceo com 50 a 100 cm de altura e suas flores são muito apreciadas pelas abelhas. São do gênero Nepeta, com mais de 200 espécies semelhantes. As mais comuns são a N.cataria (erva-do-gato verdadeira), a N.grandiflora (erva-do-gato-gigante) e a N.faassenii (erva-do-gato-ornamental).

Para obter o odor que dá o “barato” os felinos mordem a planta ou se esfregam nela.

Não há nenhum efeito sobre o ser humano.

Existem brinquedos para gatos vendidos nos pet shops que contém a erva-do-gato, que é considerada uma planta terapêutica com efeito sobre os felinos.

2018-04-30T16:00:23+00:00