Riscos para os gatos

Por

Gatos que vivem em casa estão sujeitos a muitos riscos, principalmente se não forem castrados. Eles fogem com freqüência e estão sujeitos desde a atropelamento até a serem furtados ou a comer o que não devem.

Como todos os felinos, os gatos são caçadores e muito chegados a um passarinho, que pode transmitir doenças, e também aos ratos e outros animais. Alimentando-se exclusivamente de ração eles não correm esse risco.

Mesmo mantidos presos em apartamento, os riscos são muitos porque eles são curiosos e gostam de meter o bedelho em tudo. Por isso é preciso ter cuidado. Algumas situações são dramáticas, mas ao mesmo tempo curiosas. Já teve gente que perdeu o gato de estimação congelado em pleno Rio de Janeiro. Como? Simples: olhando para o outro lado enquanto fechava a geladeira, o gato, sorrateiro e curioso pulou para dentro. Horas depois, ao abrir de novo a geladeira ele estava lá. Morto!

A cozinha, principalmente o fogão, também está cheia de riscos. Expulse seu gato quando ele (o fogão) estiver sendo usado ou quando a cozinha estiver sendo lavada com produtos de limpeza, que, em sua maioria, são tóxicos e que os gatos gostam de lamber, ainda que apenas por curiosidade.

Deixe a tampa do vaso sanitário sempre fechada, porque além de beber o que não deve, ele pode cair e não conseguir sair.

Cuidado com os sprays: não use perto do gato ou da ração. E também com os remédios.

Os gatos gostam de mordiscar ou até mesmo comer plantas e algumas são venenosas. Leve isso em consideração ao decorar sua casa ou jardim.

2018-04-26T15:52:51+00:00