Manejo das colmeias eleva em 70% a produção de mel

Por

A Associação Brasileira de Estudo das Abelhas (A.B.E.L.H.A.) está divulgando os resultados iniciais de seu Apiário Experimental, iniciativa que teve início em novembro de 2016.

O projeto, localizado no município de Itatinga (São Paulo), região de maior produção de eucalipto do estado e que concentra apicultores dedicados à produção de mel, foi implantado numa área de vegetação composta por plantações de eucalipto, mata nativa e pastagem.

Os dados preliminares mostram que a adoção de boas práticas no manejo das colmeias tem impacto direto na produtividade e na lucratividade do produtor. Enquanto a média nacional de produção por colmeia é de 18 kg de mel, as colmeias do Apiário Experimental que receberam ações de manejo produtivo apresentaram média de 62 kg/colmeia.

“A ideia do Apiário surgiu para que pudéssemos demonstrar aos apicultores, na prática, que não é necessária nenhuma ação mirabolante para alcançar níveis mais altos de produtividade”, diz a diretora-executiva da A.B.E.L.H.A., Ana Assad.

2017-10-30T11:01:21+00:00